Banco de dados

O que são DDL, DML, DCL e TCL

photo of code projected over woman
Photo by ThisIsEngineering on Pexels.com

Quem trabalhar com banco de dados já deve ter ouvido as siglas DDL, DML, DCL e TCL, e em algum momento parou para se perguntar o que elas significam. O post O que são DDL, DML, DCL e TCL explica de maneira direta o que cada sigra representa e quais ações estão relacionadas com cada uma delas.

O que são DDL, DML, DCL e TCL

DDL

DDL é o nome abreviado da Data Definition Language, que lida com esquemas e descrições de banco de dados, de como os dados devem residir no banco de dados.

  • CREATE – para criar banco de dados e seus objetos como (tabela, índice, visualizações, procedimento de armazenamento, função e gatilhos)
  • ALTER – altera a estrutura do banco de dados existente
  • DROP – exclui objetos do banco de dados
  • TRUNCATE – remove todos os registros de uma tabela, incluindo todos os espaços alocados para os registros.
  • COMENTÁRIO – adicione comentários ao dicionário de dados
  • RENAME – renomeie um objeto

DML

DML é um nome abreviado da Data Manipulation Language que lida com a manipulação de dados e inclui as instruções SQL mais comuns, como SELECT, INSERT, UPDATE, DELETE, etc., e é usado para armazenar, modificar, recuperar, excluir e atualizar dados no banco de dados.

  • SELECT – recupera dados do banco de dados
  • INSERT – insere dados em uma tabela
  • UPDATE – atualiza os dados existentes em uma tabela
  • DELETE – Excluir todos os registros de uma tabela de banco de dados
  • MERGE – operação UPSERT (inserir ou atualizar)
  • LIGUE – chame um subprograma PL / SQL ou Java
  • EXPLICAR PLANO – interpretação do caminho de acesso a dados
  • TABELA DE BLOQUEIO – Controle de simultaneidade

DCL

DCL é o nome abreviado da Data Control Language, que inclui comandos como GRANT e, principalmente, relacionados a direitos, permissões e outros controles do sistema de banco de dados.

  • GRANT – permite que os usuários acessem privilégios no banco de dados
  • REVOKE – retira os privilégios de acesso dos usuários dados usando o comando GRANT

TCL

TCL é um nome abreviado de Transaction Control Language que lida com transações dentro de um banco de dados.

  • COMMIT – confirma uma transação
  • ROLLBACK – reverter uma transação em caso de erro
  • SAVEPOINT – para reverter os pontos de criação de transação dentro dos grupos
  • SET TRANSACTION – especifique características para a transação

Super dicas

Quer aprender muito mais sobre programação? Então se inscreva no curso PHP básico.

Se inscreva em nosso canal e compartilhe as matérias que gostar com os seus colegas.

Participe dos nossos grupos de estudos do Facebook e Telegram.

Aproveite também e venha fazer parte do nosso clube de vantagens e ter acesso exclusivo a vídeos, tutoriais, cursos e muito mais.

Clique no link para se tornar um membro do dfilitto – clube de vantagens e ter acesso a todos os benefícios do nosso clube.

About the author

Danilo Filitto

Mestre em Ciência da Computação pela Universidade Estadual de Maringá - UEM, Pós-Graduado em Redes de Computadores e Comunicação de Dados pela Universidade do Estado do Paraná - UEL, Bacharel em Ciência da Computação pela Universidade do Oeste Paulista - UNOESTE.

Atuo na área acadêmica como professor desde 2006. Atualmente leciono na UNOESTE (Universidade do Oeste Paulista), no SENAC (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial) e possuo vários cursos na Udemy (https://www.udemy.com/user/danilo-filitto/).

Além disso, sou o CEO dos sites https:www.dfilitto.com.br e https:www.makeindiegames.com.br

Você também pode me encontrar no YouTube por meio do endereço https://www.youtube.com/danilofilittoppr

Inscreva-se para receber em seus e-mais as notícias do nosso site

Quer aprender a programar?